Conheça os 5 maiores líderes indígenas que mudaram a história os Estado Unidos

28 JUL 2015
28 de Julho de 2015
A história dos povos indígenas nos Estados Unidos é cercada de feitos incríveis e curiosidades. Alguns destes líderes indígenas se destacaram devido a diversas ações. Conheça alguns destes líderes que fizeram história

NUVEM VERMELHA (1822-1909)

.Nuvem Vermelha (pintura)

Este talvez tenha sido o líder indígena que mais se destacou. Pertencente a tribo Sioux – tribo que ocupava boa parte do centro-oeste americano e parte do Canadá – Nuvem Vermelha acompanhou desde cedo os sofrimentos que seu povo passava por causa das expansões dos colonos norte-americanos. Ele liderou homens de seu povo contra o exército, chegando a realizar ataques bem sucedidos a fortes. Depois de anos de luta, Nuvem Vermelha abandonou a vida de guerreiro para atuar no campo da diplomacia, chegando até mesmo a morar em Washington. Na capital do país, ele exerceu diálogos e protestos pedindo que o governo tratasse melhor os nativos americanos, lhes dando paz e sossego.

 CAVALO AMERICANO (1840-1908)

Chief_American_Horse

Famoso por ter ingressado a cavalaria de escolta indígena do exército dos EUA, Cavalo Americano lutou nas guerras indígenas dos EUA, principalmente na grande Guerra Sioux (1876-1877), guerra onde o famoso comandante George Custer veio a morrer em combate. Ele também ficou conhecido por ser filho adotivo de Nuvem Vermelha. Mais tarde, ele também ingressou nas atividades de reivindicação aos direitos indígenas em Washington.

GERÔNIMO (1829-1909)

Gerônimo

Gerônimo foi um dos maiores símbolos da luta de resistência indígena nos EUA. Ele era de uma das mais famosas tribos indígenas, os Apaches, na região do estado do Novo México (na época, ainda era território mexicano). Após perder sua família devido a um ataque de soldados mexicanos em suas terras, Gerônimo passa a lutar contra invasores mexicanos e, mais tarde, contra colonos americanos. Ele e seu bando eram exemplos dos índios que não aceitavam acordos com o governo, conhecidos como índios renegados. Em 1886, Gerônimo e seu bando se rendem ao exército americano, dando fim as chamadas “Guerras Apache”. Nos anos seguintes, viveria em prisões militares (fortes) até a sua morte. Mesmo preso, ele se tornou amplamente famoso pelos EUA, chegando a ter um livro publicado sobre sua história. 

TOURO SENTADO (1831-1890)

Além de ser um líder espiritual, Touro Sentado também foi um importante líder militar. Após seu povo ter se envolvido em um conflito com o exército norte-americano, Touro Sentado decidiu lutar. Ajudou Nuvem Vermelha em suas investidas contra o exército, mas seu maior feito viria algum tempo depois. Durante a Grande Guerra dos Sioux, Touro Sentado derrotou a 7° Cavalaria (comandada pelo próprio Custer) do exército norte-americano com uma força de cerca de 3500 indígenas. Algum tempo antes, ele teria tido um sonho, e nesse sonho, a 7° Cavalaria era aniquilada. De fato, isso ocorreu, Custer acabou morto em um ataque indígena, e por isso se tornou amplamente famoso. 
Touro Sentado e Buffalo Bill em 1885

Tempos depois, Touro Sentado participou dos famosos shows de Buffalo Bill, onde eram feitas apresentações encenadas sobre o cotidiano do velho oeste, como homens cavalgando com índios, tiroteios encenados, e etc. Touro Sentado Acabou se tornando adepto de uma uma seita religiosa indígena chamada “Dança Fantasma“, onde pregavam que “as terras do oeste engoliriam os homens brancos”. O governo enviou policiais para interromper as atividades da seita e tentaram prender Touro Sentado, que resistiu a ordem de prisão e acabou sendo morto. Morria um dos maiores nomes de todo o Oeste.

CAVALO LOUCO (1840 – 1877)


Touro Sentado e Cavalo Louco
Touro Sentado (a esquerda) e Cavalo Louco (a direita)

Cavalo Louco possui uma extensa biografia sobre suas atuações militares. Ficou conhecido por rechaçar toda uma força do exército americano, fazendo parte assim da grande vitória indígena na Batalha de Little BigHorn, durante a Guerra Sioux, ao lado de Touro Sentado. Cavalo Louco acabou se rendendo ao exército. 4 meses depois, foi morto por um guarda em sua cela.

A expansão territorial dos Estados Unidos custou a vida e a terra dos índios. Nuvem Vermelha disse uma vez:
”Fizeram-nos muitas promessas, mais do que eu posso lembrar. Mas eles nunca as cumpriram, menos uma: prometeram tomar nossa terra e a tomaram”
Indígena norte americano
Redação Rádio Yandê em matéria cedida em parceria com:
Ulisses Condutta, colunista de cultura do site Miscellaneous
Voltar

© 2013 - 2021 YANDÊ - A rádio de todos. A 1ª EtnoMídia Indigena do Brasil - Todos os direitos reservados.