Delegados indígenas aprovam 25 propostas na II Conferência Nacional de Educação Escolar Indígena

22 MAR 2018
22 de Março de 2018

Foto: Valdevino Terena - Rádio Yandê

A 2ª Conferência Nacional de Educação Escolar Indígena (2ª Coneei), foi realizada esta semana em Brasília com presença de 780 delegados indígenas de diferentes etnias e regiões do Brasil. Foram aprovadas pelos delegados 25 propostas para auxiliar na educação escolar indígena.  

Foram cinco eixos: organização e gestão da educação escolar indígena, práticas pedagógicas diferenciadas, formação e valorização dos professores, políticas de atendimento e educação superior. Realizada em diferentes etapas, com 13 mil pessoas em 331 conferências nas comunidades educativas e 19 regionais. Foram apresentadas 8.309 propostas, que deram origem ao documento aprovado ao final do encontro nacional. 

Cacique Ubiratã Gomes do litoral sul de São Paulo comenta sobre as etapas locais das comunidades e necessidade de politicas públicas para atender as demandas da educação escolar indígena.

"Eu fico triste de ver que muitas destas propostas que a gente está aqui debatendo, já estão contempladas em leis, desde da constituição de 1988...", comenta. Vídeo no link


Professores e lideranças esperam a consolidação em uma política nacional de educação escolar indígena, e assim garantir o direito a uma educação diferenciada e multilíngue. As reivindicações mais citadas dos educadores são a realização de concursos públicos para professores indígenas, garantia de infraestrutura nas escolas e valorização das línguas indígenas. 

Redação Yandê
Voltar

© 2013 - 2015 YANDÊ - A rádio de todos. Todos os direitos reservados