Indígenas Mbya Guarani lançam jornal feito pela comunidade 

23 JAN 2016
23 de Janeiro de 2016
Indígenas Mbya Guarani da Tekoá Nhundy, em Viamão, na região da Grande Porto Alegre, lançaram nesta sexta-feira (22), em evento do Fórum Social Mundial (FSM) Temático, o jornal Mborayu, na Sala 11 do Centro Municipal de Educação do Trabalhador Paulo Freire (CMET) – Rua Santa Teresinha, 572.

Mborayu significa, “o espírito que nos une” e “generosidade”. O jornal tem oito páginas, todos os textos e pautas foram elaboradas por indígenas da comunidade, com apoio da jornalista Tamara Hauck e da etnomusicóloga Milena Dugacsek.

O objetivo é mostrar o jeito de ser Guarani a partir de seus próprios pontos de vista e fortalecer o espaço para exercerem sua cidadania. 

“Minha expectativa é que, com o jornal Mborayu, as pessoas saibam que aqui tem Mbya Guarani, Kaingang e Charrua – e que nos reconheçam. Na mídia, só aparece o mau indígena: se um indígena faz algo errado, ele é lembrado. É como se todos fôssemos iguais e isso não é verdade!”, afirmou o cacique Gildo Gomes, em entrevista para o Jornal Sul21.

O jornal sera vendido por R$ 3 e o valor arrecadado revertido para a Tekoa Nhundy. A primeira edição recebeu o financiamento com o recursos de pessoas físicas. 

Redação Yandê

Voltar

© 2013 - 2015 YANDÊ - A rádio de todos. Todos os direitos reservados